Pular para o conteúdo principal

Destaques

Mulheres em apuros - soluções bíblicas para os problemas que as mulheres enfrentam. Martha Peace

Yey! Mais um post sobre livros aqui! E como a repercussão do primeiro livro colocado no blog, Chamados para Criar , foi um sucesso <3, bora continuar com o mesmo tipo de construção. É um formato novo, muitas pessoas chegam aqui e veem o que tem do lado de dentro, e isso impulsiona a vontade de ler um fisicamente. E estou amando acompanhar isso. Esse livro foi indicado pelo pastor da minha igreja, junto com vários outros. Aproveitei a promoção da editora Fiel e comprei com 50% de desconto. Ah, e esse livro também está disponível na Amazon no formato físico e e-book . Eu prefiro muitas vezes o físico justamente pela possibilidade de marcar o texto e folhear com mais rapidez. Mas não descarto livros gigantes no Kindle por causa da praticidade. O livro Mulheres em apuros da Martha (íntima) me surpreendeu. Não esperava ser um livro tão rico e tão simples ao mesmo tempo. E quando digo simples, digo que ela escreve de uma maneira primorosa. Mas o simples falar e difícil fazer é bem real aq

Frustração

Imagem de Christian Lambert em Unsplash

É interessante o fato de que meu penúltimo post foi sobre aceitação. Há um tempo estou me sentindo frustrada e muito disso tem a ver com a velocidade que quero que as coisas aconteçam. E, claro, eu não tenho o controle sobre isso. O que torna mais difícil ainda. Podemos chamar de vida.

É curioso como as coisas parecem se resolver tão rápido para outras pessoas que pra mim (vou colocar no eu mesmo porque é o que faz sentido agora, e se for "a gente", sinta-se à vontade). E eu, que sempre fui um tanto positiva com algumas coisas e bem melancólica com outras. Ah, e meu lado sanguíneo nessa também (é bem estranho dois opostos num mesmo ser humano). Ok, comecei a viajar aqui.

Mas o fato é que estou frustrada. E não sei direito o que fazer. Mesmo. Tenho ideias que são bem futurísticas e que podem dar certo, um trabalho de vida, inclusive. Mas eu desisto porque não tenho ferramentas hoje. Me importo com meu futuro e tento fazer o melhor, mas demora tanto que eu desanimo. Tenho 26 anos, conquistei muitas coisas, e estou assim hoje.

Como a vida chega a ser estranha.

Era pra eu ter terminado dois cursos essa semana... E estou procrastinando. E então eu começo a pensar: o que será que está acontecendo? Não era pra ser assim, de jeito nenhum. Principalmente porque eu fiz uma meta pra que tudo ocorresse da melhor maneira possível durante o ano e muitas delas ainda não saíram do papel. Algumas sim, e só tenho a agradecer. Mas outras... Ainda estão estacionadas.

Mas de uma coisa eu tenho certeza: tudo tem seu tempo certo de acontecer debaixo do céu. E não vai ser a minha ansiedade que vai fazer tudo correr conforme os planos de Deus. Eu vou andar sim, vou caminhar sim, mas não esperando nada de mim, porque não sou autossuficiente

Bisus!

Comentários

Postagens mais visitadas